segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Fascínios



A multidisciplinariedade onde se movem os estudos do cérebro é fascinante.Neuro ciência, psicologia, biofisica, inteligência artificial, matemática e por aí fora. 

A complexidade do cérebro humano já foi maior, no entanto o caminho ainda é longo. Se olharmos para o cérebro como uma unidade estrutural imóvel, com 2% da massa do corpo e consumidor de 25% do sangue que o coração bombeia interiorizamos algum do seu poder relativamente à totalidade do corpo humano.

Milhares de milhões de células suscitam muita curiosidade.

A mim interessam-me algumas formas interpretativas da ciência.As alavancagens em que se vai produzindo. 

E pronto, este texto não interessa nada, mas foi o que se arranjou para uma imagem dinâmica :). 

Os meus últimos tempos para  além do meu próprio cérebro tenho adormecido com imensos cérebros na mente. 

Existem cérebros por ai cheios das minhas áreas funcionais, eu acho.

Este post é uma caca. 

Boa semana senhores e senhoras. Façam o favor de ser felizes que eu vou ali socializar algumas áreas funcionais do meu cérebro. 

Porque será que se escrevem certos post(s)? 



2 comentários:

Bípede Falante disse...

O cérebro é mesmo fascinante. Adorei a imagem, e o seu texto veio muito bem :)
beijoss

mfc disse...

Alguém dizia ... que o cérebro era o orgão mais bonito de todo o corpo... e que toda a gente devia ter direito a ter um!!!!