terça-feira, 6 de setembro de 2011

Adeus Tristeza



À tristeza não sei como se diz adeus!

Empurra-me com tamanha força contra o chão

que espero, silenciosamente, que se vá!


3 comentários:

Carlos Azevedo disse...

Há que ser mais forte do que ela!

(Nem sempre é fácil, bem sei...)

cs disse...

Mais forte que a vida não sei bem o que é!
bjinho Carlos

Carlos Azevedo disse...

Mais forte do que a tristeza, quis dizer.
Abraço.